Inadimplência do consumidor tende a se estabilizar, prevê Serasa

SÃO PAULO – De acordo com o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência, divulgado nesta quarta-feira (15), o nível de inadimplência dos consumidores deve ser modesto, tendendo a se…

SÃO PAULO – De acordo com o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência, divulgado nesta quarta-feira (15), o nível de inadimplência dos consumidores deve ser modesto, tendendo a se estabilizar, especialmente durante o final do ano.

Segundo o estudo, em julho a perspectiva de inadimplência do consumidor para os próximos seis meses apresentou queda de 0,3%, a segunda queda mensal seguida, após uma sequência de cinco elevações. Com o resultado, o índice chegou a 94,3 pontos.

Emprego e renda
Na avaliação dos analistas da Serasa, o aumento no nível de emprego e o crescimento dos rendimentos reais têm conseguido neutralizar as pressões sobre os níveis de inadimplência dos consumidores que, por sua vez, devem-se a uma trajetória de expansão do crédito bem superior à massa de rendimentos, ou capacidade de pagamento. Com isso, os analistas acreditam que a atual trajetória de crescimento do crédito às pessoas físicas não deva ser impactada, apesar de ocorrer de forma mais moderada até o fim de 2010 O indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência dos Consumidores avalia, em um horizonte de seis meses, em que fase do ciclo estarão várias variáveis econômicas, como concessões reais de crédito, inadimplência, crise e recuperação.

Veja também

    Noticias

    Reunião de Diretoria Ampla debate temas jurídicos relevantes ao comércio

    Veja mais
    Cursos e eventosNoticias

    Feira Brasileira do Varejo (FBV) é lançada oficialmente em Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Programação de atividades para a obra do quadrilátero central: 19/02 A 23/02

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Tendências mundiais que impactam o varejo local

    Veja mais