SEBRAE-RS subsidia missão a Londres focada na indústria criativa da moda

O SEBRAE-RS lançou chamada pública para subsídio a micro e pequenas empresas no pacote de viagem para missão empresarial em Londres, focada em na indústria criativa da moda. Nesta missão serão realizadas…

O SEBRAE-RS lançou chamada pública para subsídio a micro e pequenas empresas no pacote de viagem para missão empresarial em Londres, focada em na indústria criativa da moda. Nesta missão serão realizadas visitas a museus, empresas, mercados, vitrines de rua e palestras em universidades sobre Economia Criativa. A viagem ocorrerá de 12 a 20 de setembro e as inscrições podem ser feitas até 31 de julho. Serão apoiadas 10 empresas com subsídio de até 50% do valor do pacote de viagem.
A Missão Internacional é voltada para micro e pequenas empresas (MPEs) sediadas no Rio Grande do Sul que integram os setores de moda: têxtil, vestuário, calçados, artefatos e acessórios, que sejam devidamente formalizadas e com faturamento anual de até R$ 3.600.000,00.

A chamada pública ocorre em três etapas. A primeira, a entrega das propostas, é seguida do processo de seleção e, por fim, da formalização da participação das dez empresas que irão compor o grupo. As MPEs que participam dos projetos coletivos do Sebrae/RS terão 50% do valor do pacote de viagem custeados pela Instituição. As demais receberão o apoio de 40% dos custos. Os pacotes incluem passagens aéreas de ida e volta; hospedagem em quartos duplos ou triplos com banheiro privativo e café da manhã; transfer aeroporto/hotel/aeroporto e seguro de viagem para todo o período da missão.

Segundo o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/RS, será uma experiência de imersão numa das maiores referências da moda mundial. “A observação das tendências e das inovações no setor são diferenciais para o desenvolvimento das MPEs gaúchas e da sua colocação no mercado”, afirma o presidente Koch.

Os objetivos são o intercâmbio de conhecimento e a prospecção de oportunidades na área do design e da moda; a prática do processo de pesquisa de moda in loco, conhecendo fontes importantes, modelos de negócios e a forma de cooperação entre empresas e instituições de ensino, bem como utilizar insumos dos movimentos da economia criativa como estímulo para o entendimento do comportamento da sociedade sob uma nova perspectiva. Isto a fim de identificarem as informações coletadas em produtos de moda e trazer novos modelos e conceitos de inovação para o Estado. Mais ainda, para aproximar os empresários das práticas de pesquisa, estruturando conceitos e identidade de produto, bem como despertar o empresário para a sustentabilidade e o empreendedorismo criativo.

Para participar da seleção, é necessário entregar os documentos listados no anexo II da chamada pública e a elaboração do plano de trabalho conforme o anexo III, disponíveis no link abaixo.

Veja também

    PesquisaNoticias

    Vendas de eletrodomésticos típicos de frio estão em alta

    Veja mais
    Noticias

    Entidades empresariais cobram agilidade da União para a liberação de recursos a...

    Veja mais
    Noticias

    Transforme talento em marca de sucesso

    Veja mais
    Noticias

    Campanha de incentivo ao comércio local para reerguer Porto Alegre tem apoio do S...

    Veja mais