Sindilojas Porto Alegre acompanha votação sobre Veto do fim da multa de 10% do FGTS

A Entidade estará em Brasília amanhã, 17, acompanhando a votação a respeito do Veto Total nº 27/2013, que diz respeito à proposta de fim da multa de 10% sobre o saldo do FGTS em caso de demissão sem…

A Entidade estará em Brasília amanhã, 17, acompanhando a votação a respeito do Veto Total nº 27/2013, que diz respeito à proposta de fim da multa de 10% sobre o saldo do FGTS em caso de demissão sem justa causa. O PLC 200/2012 que prevê a extinção da multa foi aprovado pelo Congresso Nacional em 3 de julho e vetado pela presidente Dilma Rousseff em 25 de julho. A multa, criada em 2001 em caráter provisório para cobrir rombos nas contas do FGTS causados por planos econômicos do passado, cumpriu sua função em julho de 2012.

Para o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Ronaldo Sielichow, a multa vai contra os esforços realizados para desonerar a folha de pagamento das empresas. “A conta dos encargos sociais sobre o trabalho é alta e a manutenção desta cobrança é prejudicial à geração de novos empregos”, diz. Dados divulgados pela CNI, apontam que a economia mensal das empresas de todos os portes e setores do país pode chegar a R$ 270 milhões com o término da cobrança da multa. “No comércio esse impacto positivo seria muito benéfico às pequenas e médias empresas, que são a maioria em nosso setor”, finaliza Ronaldo Sielichow.

O Sindilojas Porto Alegre esteve presente durante a votação que aconteceu em julho e está acompanhando o andamento das discussões sobre o Projeto de Lei. A Entidade já havia enviado ofício aos Deputados Federais e está monitorando o andamento da questão.

Veja também

    Noticias

    Nota Oficial: Falta de luz no centro de Porto Alegre

    Veja mais
    Noticias

    Ministério do Trabalho prorroga portaria sobre funcionamento do comércio aos fer...

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Conheça as principais tendências globais de consumo para 2024

    Veja mais
    NoticiasMarketing

    Novas experiências para o consumidor leitor

    Veja mais