Varejo e serviços mostram recuperação

Em meio à instabilidade política, a economia dá sinais positivos. Duas boas notícias foram divulgadas semana passada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A primeira delas: as vendas do comércio varejista nacional avançaram 1% no mês de abril em relação ao mês anterior. Ou seja, a população está comprando mais e isso significa […]

Em meio à instabilidade política, a economia dá sinais positivos. Duas boas notícias foram divulgadas semana passada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A primeira delas: as vendas do comércio varejista nacional avançaram 1% no mês de abril em relação ao mês anterior. Ou seja, a população está comprando mais e isso significa mais dinheiro em circulação, o que é uma alavanca que poderá retroalimentar a recuperação econômica nos próximos meses.

Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal do Comércio, divulgada dia 13. Foi o primeiro resultado positivo em 24 meses, interrompendo uma sequência de quedas que teve início em abril de 2015. Segundo os economistas, os fatores que justificam o impulso são a redução da inflação e os recursos liberados do FGTS das contas inativas. O setor de supermercados e o comércio em geral, especialmente, são os maiores beneficiados pela onda otimista.

 

Fonte: Diário ABC

Veja também

    PesquisaNoticias

    Vendas de eletrodomésticos típicos de frio estão em alta

    Veja mais
    Noticias

    Entidades empresariais cobram agilidade da União para a liberação de recursos a...

    Veja mais
    Noticias

    Transforme talento em marca de sucesso

    Veja mais
    Noticias

    Campanha de incentivo ao comércio local para reerguer Porto Alegre tem apoio do S...

    Veja mais